• Edif. Advanced Trade, Sala 601, Caminho das Árvores, Salvador-Bahia
  • (71) 3052-1011
  • contato@consulfis.com.br

A mudança de Regime Tributário pode ser benéfica para a gestão de sua empresa.

img

09

dez

A mudança de Regime Tributário pode ser benéfica para a gestão de sua empresa.

09/12/2021 Regime tributário

Saiba como fazer a mudança de Regime Tributário da sua empresa em caso de necessidade

HEADLINE: A mudança de Regime Tributário é um procedimento por vezes necessário, mas deve ser feito corretamente. Leia o nosso artigo para saber mais.

A mudança de Regime Tributário é necessária para algumas situações em que as empresas devem se enquadrar em diferentes modalidades de recolhimento de impostos.

Em alguns casos específicos, essa alteração é obrigatória. É necessário estar sempre atento à legislação vigente para saber quais são essas situações.

Contudo, sempre que o empresário verificar que vantagens poderão ser obtidas com a mudança, eles poderão fazê-la voluntariamente.

Para saber quando vale a pena fazer a mudança de Regime Tributário, devem-se levar em consideração alguns fatores importantes. 

No artigo de hoje, trazemos, para você, um guia completo sobre o assunto para auxiliá-lo a tomar essa importante decisão.

Preparado? Então, confira!

Quais são os principais tipos de Regime Tributário?

No Brasil, os principais Regimes Tributários adotados são:

  1. Simples Nacional: limite de faturamento anual de R$4,8 milhões;
  2. Lucro Presumido: o limite de faturamento anual é de R$78 milhões;
  3. Lucro Real: sistema adotado pelas empresas de grande porte, que faturam, por ano, um valor superior a R$78 milhões.

Quando fazer a mudança de Regime Tributário?

Basicamente, as situações nas quais se deve optar pela mudança de regime são as seguintes:

  • Obrigatórias

  • Empresas em início de atividade que excedam o limite do Simples Nacional em mais de 20%;
  • Excesso de receita bruta no Simples Nacional ou no Lucro Presumido;
  • Vedação de enquadramento no Simples Nacional.

 

  • Voluntárias

  • Crescimento da empresa;
  • Diminuição do lucro;
  • Problemas na distribuição de lucros por conta de impostos;
  • Possibilidade de obtenção de benefícios fiscais.

Como fazer a mudança de Regime Tributário?

Segundo a legislação, esse procedimento só pode ser realizado no início do ano, conforme calendário divulgado pela Receita Federal.

Empresas que desejem entrar e sair do Simples Nacional deverão fazê-lo eletronicamente, por meio do portal disponibilizado pelo governo. Para acessá-lo, clique aqui.

Para os casos em que se deseja migrar para o Lucro Presumido ou Lucro Real, deverá ser feita a opção quando realizado o pagamento do DARF, no início do ano de competência.

ConsulFis: Somos especialistas em tributação e estamos preparados para realizar o melhor Planejamento Tributário para o seu negócio

A legislação tributária do Brasil é uma das mais complexas que existem. Há um conjunto de regras e detalhes que todo empreendedor deve ter extrema atenção.

Em meio à busca pelas melhores oportunidades e redução nos custos com o pagamento de obrigações fiscais, muitos veem na mudança de Regime Tributário uma boa alternativa.

Todavia, essa decisão exige planejamento e cautela. É necessário agir sempre da maneira mais eficiente e vantajosa para os negócios e, logicamente, de acordo com a lei.

Por isso, não hesite em buscar apoio profissional nesse processo!

A ConsulFis dispõe de uma equipe de contadores altamente especializada e experiente em tributação, que está à disposição para traçar o melhor Planejamento Tributário e Financeiro para a sua empresa.

Quer saber mais sobre as vantagens de contar com a nossa assessoria e consultoria?

Não perca tempo e clique no ícone do WhatsApp para falar agora com um de nossos especialistas.

5/5 - (1 vote)

Comentários:

Categorias

Outras notícias

Tags

Compartilhe

Recomendado só para você
Entenda o valor da Nota Fiscal em Salvador para o…
Cresta Posts Box by CP