• Edif. Advanced Trade, Sala 601, Caminho das Árvores, Salvador-Bahia
  • (71) 3052-1011
  • contato@consulfis.com.br

Planejamento tributário para transportadora

img

18

set

Planejamento tributário para transportadora

18/09/2020 Contabilidade para Transportadora

Planejamento Tributario Para Transportadora - Contabilidade em Salvador - BA | ConsulFis

Algo essencial que deve ser conhecido por uma transportadora são os tributos que estão presentes nesse segmento, assim, você ficará consciente da situação financeira.

Além disso, entenda que estas empresas sofrem com uma grande tributação, juntamente com uma alta concorrência e aos custos gerais das atividades da transportadora.

Pensando então em ajudar quem é responsável por transportadora, elaboramos este artigo, que tem o objetivo de mostrar o planejamento tributário para transportadora.

Este planejamento é um dos elementos fundamentais que todas transportadoras terão que trabalhar.

Logo, se quiser descobrir sobre o planejamento tributário para transportadora, confira agora!

Está preparado então para acompanhar este artigo?

Situação geral da tributação das transportadoras

Situação Geral Da Tributação Das Transportadoras - Contabilidade em Salvador - BA | ConsulFis

Com certeza um dos pontos que mais dão dor de cabeça para empresários do segmento de transportadora são as tributações, já que, claro, o Brasil tem uma alta tributação e, no segmento de transportadora, isso vai ser bem mais complicado para os empresários.

Saiba então que tendo uma transportadora, você precisará ficar atento sempre sobre:

  • Relatórios;
  • Informações financeiras;
  • Elementos de contabilidades;
  • Documentos fiscais;
  • Encargos tributários;
  • Alvará;
  • E outros mais.

Assim, é certo dizer que as empresas brasileiras tendo todas essas dificuldades ainda são capazes de diminuir o montante de tributos a serem pagos.

Com o objetivo de fazer isso, o método mais competente é a escolha de um plano tributário adequado ao negócio, que pode muito bem variar conforme o tamanho de um transportadora e o seu faturamento.

Portanto, fica nítido que não existe maneira de escapar desse sistema tributário, porém, você é capaz de transformar esse sistema tributário menos dolorido para a situação financeira da sua empresa. 

E bem, você fará isso, com um método e capacidade de um setor de contabilidade.

Descubra os principais tributos que incidem sobre uma transportadora

Descubra Os Principais Tributos Que Incidem Sobre Uma Transportadora - Contabilidade em Salvador - BA | ConsulFis

IRPJ (Imposto de Renda Pessoa Jurídica)

O IRRPJ consiste num Imposto de Renda das empresas.

E é um imposto federal de que atinge todas as empresas de pessoas jurídicas que trabalham no Brasil, com exceção do MEI (Microempreendedor Individual), que não paga este imposto.

E bem, transportadoras acabam por ter que arcam uma tributação de 8%.

CSLL (Contribuição Social sobre o Lucro Líquido)

Bem, a CSLL é também tributo federal que as transportadoras têm que arcar.

E o dinheiro que é coletado é encaminhado ao financiamento da Seguridade Social, ou seja, saúde pública, previdência e assistência social.

Vale dizer que essa tributação para transportadoras é de 9%.

PIS (Programa de Integração Social)

Saiba que o PIS é um tributo federal que incide sobre uma Transportadora e deve ser pago mensalmente até o dia 15 do mês consecutivo.

O valor da sua tributação varia de 0,65% a 1,65%.

E bem, essa arrecadação é usada para auxiliar a financiar o Seguro Desemprego.

Confins (Contribuição para o financiamento da Seguridade Social)

O que é essa tributação?

Bem, essa tributação é um tributo federal que está vinculada à Seguridade Social e atinge sobre a receita mensal das transportadoras, sendo que suas alíquotas ficam entre 3% a 7,6%, de acordo com o plano selecionado.

ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços)

Outro tributo é ICMS, um imposto estadual que incide no momento em que um produto circula ou o transporte de cargas é feito

Existe também a imposição quando há uma alíquota em cima do valor do produto ou serviço.

ISS (Imposto sobre Serviços)

Entenda que este imposto é municipal, tem que ser pago por profissionais autônomos e outros prestadores de serviços.

Além disso, saiba que cada município tem suas próprias leis e regras, logo é indispensável consultar as leis e regras de cada um deles para que apuração aconteça da maneira correta.

Então, como criar um planejamento tributário?

Então, Como Criar Um Planejamento Tributário - Contabilidade em Salvador - BA | ConsulFis

Tenha em mente que a primeira etapa para fazer um planejamento tributário para transportadora é descobrir em que regime tributário a sua empresa se situa.

Logo, saiba que existem 3 regimes bem comuns, são eles:

Assim, com estes regimes você fará um planejamento tributário para transportadora.

Confira sobre eles a seguir.

O que é Simples Nacional?

Esse tipo de regime tem o objetivo de simplificar a coleta dos impostos de microempresas e empresas pequenas.

Outra coisa, este pacote de tributos irá juntar vários impostos de uma empresa em apenas um manual ou guia, chamado Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS).

Além disso, se uma transportadora considerar pelo Simples Nacional é obrigada recolher o imposto de acordo com a receita bruta, sendo que essa receita tem que atingir no máximo R$ 4,8 milhões. 

O que é o Lucro Presumido?

O Lucro Presumido é um regime tributário para empresas que lucram até R$78 milhões por ano.

E bem, neste regime, o governo vai presumir o faturamento da empresa e fará que com o imposto seja de 8% do lucro.

A respeito das transportadoras, a porcentagem de lucro presumido é de 8%, isto é, o imposto será cobrado 8% do rendimento da empresa.

Outra coisa saiba que este regime exige muita atenção, já que mesmo que empresa não possua faturamento, será também cobrado em 8% sobre sua receita total.

Algo interessante a ser dito, é que existe uma diferença entre o Simples Nacional e o Lucro Presumido, o primeiro você simplesmente pagar uma guia com todos os impostos, enquanto que no segundo se pagam diversas guias características e várias incumbências bem mais detalhadas 

O que é o Lucro Real?

Bem, com o Lucro Real, direcionada para empresas com receita bruta superior a R$78 milhões, assim, o empresário é obrigado a determinar o IRPJ e o CSLL sobre o lucro que verdadeiramente a empresa possui.

No entanto, se caso não existir um percentual de lucro presumido, e a empresa possuir certos prejuízos no decorrer do ano, assim, esta empresa não será obrigada a realizar o pagamento desses tributos.

Outra coisa importante do Lucro Real é que a tributação cresce ou diminui conforme o lucro registrado.

E aí, achou interessante este conteúdo sobre Planejamento Tributário para Transportadora? 

Já tinha ouvido falar sobre Planejamento Tributário para Transportadora? 

Pretende colocar em prática o que você viu neste texto? 

Não esqueça de deixar seu comentário e compartilhar em suas redes sociais.

Classifique nosso post post

Comentários:

Categorias

Outras notícias

Tags

Compartilhe

Recomendado só para você
Conheça a manifestação de frete eletrônico e qual a razão…
Cresta Posts Box by CP